Wednesday, October 06, 2010

Amanhã eu continuo com Washington

Comentando a charge sutil do Laerte que vc pode ver aqui, chamo a atenção para duas coisas, a meu ver, fundamentais:
1. Tiririca, como Clodovil e Frank Aguiar antes dele, foram eleitos em São Paulo, estado mais rico e desenvolvido do Brasil. A associação da pobreza com o voto ao Tiririca é, portanto, altamente suspeita. Há poucos dias a Rede Globo entrevistou uma série de seus atores mais conhecidos respondendo de forma patética a perguntas simples como a duração do mandato de senador ou a existência de segundo turno para a eleição de senadores. Não me parece que os galãs da Rede Globo, em geral, pertençam às classes C e D.
2. Reclamar dos eleitores quando uma eleição não tem o resultado que a gente gostaria é um equívoco. Há que se registrar a indiferença ou hostilidade do eleitorado aos valores que a gente defende e lutar para informar esse eleitorado. Coisa difícil em face do monopólio de fato exercido pela mídia conservadora. Devemos lutar por uma mídia plural, onde possamos encontrar opiniões diferentes e escolher aquelas que vêem o mundo com os olhos mais parecidos com os da gente. Para a grande maioria dos brasileiros de TODAS as classes não é isso que acontece.

2 comments:

Anonymous said...

Vale a pena ler o texto da Maria Rita Kehl no Estadao, entitulado "Dois pesos"
http://www.estadao.com.br/estadaodehoje/20101002/not_imp618576,0.php

Paulodaluzmoreira said...

E pelo jeito ela foi demitida por causa desse texto! http://terramagazine.terra.com.br/interna/0,,OI4722228-EI6578,00-Maria+Rita+Kehl+Fui+demitida+por+um+delito+de+opiniao.html
E essa gente reclama que a imprensa está sendo cerceada...