Monday, March 01, 2010

O começo e o fim dos anos 60




Há exatos 50 anos atrás um professor de psicologia de Harvard em férias no México experimentava pela primeira vez na vida um chá de cogumelo alucinógeno. Maravilhado, Timothy Leary começou o curso de pós-graduação sobre LSD em Harvard que acabaria dando na sua expulsão da universidade e que daria começo ao que hoje conhecemos como os anos 60 nos Estados Unidos.



John Lennon leu o livro de Leary e quatro anos depois escrevia "Tomorrow Never Knows". Em 1969 Lennon comporia "Come Together" como jingle para a campanha mais descabelada para governador da Califórnia do próprio Leary [a foto acima é do lançamento da campanha]. Richard Nixon chamou Leary de "o maior perigo para o futuro dos Estados Unidos" [ao que Leary respondeu com sarcasmo característico: "avise a eles que já mandei cercar os Estados Unidos"] . Aquela eleição quem ganhou foi Ronald Reagan, justamente prometendo acabar com a baderna daqueles cabeludos doidões - e ali começou o fim dos anos 60.

2 comments:

sabina anzuategui said...

não sabia dessa campanha, =)

eu queria muito experimentar lsd verdadeiro. na minha época, na faculdade, aparecia algo que era só anfetamina.

Paulodaluzmoreira said...

Leary é uma figura muito polêmica. Ele fazia questão de ser assim e não era uma coisa gratuita - vejo na mídia muita gente com muita vontade de ser polêmica mas sem nenhum conteúdo verdadeiramente polêmico, que não era o caso com Leary. Ouvi dizer que quando alguém perguntou a ele sobre as pessoas que experimentaram LSD e "pifaram" ele riu e disse "that's Darwin, baby." Parece que ele incentivava um pouco essa coisa de culto. Acabou de sair por aqui um livro interessantíssimo sobre o período "The Harvard Psychedelic Club", não só sobre Leary mas outros 3 professores de Harvard e MIT [as duas universidades são vizinhas].