Wednesday, March 23, 2016

traduzindo: Corpo em Agosto de Robin Coste Lewis

"Carità Romana" na visão de Peter Paul Rubens, a cena remete à história de um pai condenado a morrer de fome, cuja filha alimenta escondida, amamentando-o. As estranhezas meio perversas do poema me fizeram pensar nesse quadro


O Corpo em Agosto

Porque quando eu era criança, Deus me puxou para o colo dEla. Porque quando eu sentava no colo dEla, Ela lia para mim. Porque a história que Ela mais lia era a que eu menos gostava. Porque todos os dias Ela abria aquele livro verde fininho e dizia Essa é a história da sua vida. Porque do início ao fim eram só três páginas.

Eu acredito naquela estrada que é infinita e negra e cegamente segue em frente por todo o sempre. Eu acredito que crocodilos engolem pedras para ajudá-los a digerir o caranguejo. Porque até o século XX as pessoas ainda podiam morrer de uma sensação. E porque minha fome é tão profunda que eu tenho vergonha de levantar a cabeça. 

Porque a memória – não a gravidade – nos tem cravados a esse tremor. E quando Deus pôs os olhos em cima de nós pela primeira vez, Ela ficou louca de vergonha. Porque se o planeta tivesse uma porta dos fundos nós ainda estaríamos lá, esperando que ar aprovasse nossa entrada. Porque os seus olhos foram a única vez a avenca me disse que sim. Porque não importava quantas vezes eu morria, eu sempre acordava de novo – feliz.

Então ontem à noite, depois que de gritar com meu filho pela primeira vez, ele sonhou que nós fomos passear dentro das árvores. Quando encontramos um esquilo no caminho, meu filho disse que eu dei um chute no bicho. Então o esquilo se transformou num livro verde fininho, que nós lemos.

Porque quando Deus transformou-se em uma criança pequena eu a puxei para o meu colo. Porque quando  eu a pus no meu colo, para agradá-La, eu abri minha blusa. Porque a boca dEla é um lugar impossível de rosa, uma imensa catedral crua, que Ela abriu, dente-no-mamilo, e então agarrou com força. 

Original em inglês [com alguns erros] e outro poemas de Robin Coste Lewis podem ser lidos aqui.


2 comments:

sabina anzuategui said...

Uau. Que lindo.

Paulodaluzmoreira said...

Ela é excelente, Sabina.